O que é Pesquisa Qualitativa?

A análise de mercado é fundamental tanto para iniciar uma empresa quanto para manter o negócio no rumo certo. Isso porque através de metodologias especificas para as necessidades que foram apontadas, o consumidor e o mercado são conhecidos para que possam ser feitas novas estratégias de marketing.

As pesquisas quantitativas e qualitativas são as mais utilizadas. Ambas têm um foco distinto, mas que podem se complementar. São diferenças cruciais na abordagem, na amostragem e no objetivo. Específica para o levantamento de dados, a pesquisa qualitativa é exploratória, sem valorizar números.

Porque é feita uma pesquisa qualitativa?

o que e pesquisa qualitativa

A pesquisa qualitativa é específica para compreender e interpretar comportamentos, expectativas, forma de pensar do indivíduo dentro de um grupo social e perfil selecionado. Os resultados podem ser imprevisíveis, já que a análise exploratória faz descobertas que não cabem em análises quantitativas. Dessa forma, é possível fazer uma estratégia muito mais eficaz sobre a questão levantada.

É muito usada para saber a necessidade do consumir e assim definir um novo produto, da mesma forma que sua opinião é analisada quando ele já estiver pronto, antes dele ser lançado. Ele também analisa o pensamento do eleitor e até os usuários fieis da concorrência.

Em geral são feitas entrevistas mais abrangentes, que podem observar o comportamento do consumidor, assim como sua atitude em campo. As entrevistas também podem ser feitas pelo telefone ou em pequenos grupos de pessoas com o mesmo perfil.

É muito comum que ela seja feita a partir dos dados da pesquisa quantitativa, para assim detalhar melhor o perfil dos vários tipos de consumidor que compuseram a outra pesquisa. O especialista precisa ter muita experiência e conhecido sobre as análises de resultados, para lidar com o grande volume de informações que se apresenta.

Como se fazer uma Pesquisa Qualitativa?

Já que a pesquisa qualitativa pode abordar diversos caminhos, também pode usufruir de diversas especialidades como ciências sociais e negócios. Para preparar a pesquisa, é crucial saber realizar boas perguntas, para que sejam respondidas de forma clara já que as questões são a parte mais importante da pesquisa.

Nessas perguntas há, de forma direta ou indireta, exatamente o que se deseja saber do indivíduo analisado, focando no que é mais importante. Na pergunta, está contido a forma como o estudo será direcionado, o uso da metodologia. Uma pergunta pode ser feita diretamente, e em seguida ser gerenciada para atingir o objetivo que se deseja saber.

- Sua empresa precisa de Ajuda? Entre em contato! -
Empresa de Pesquisa de Mercado

O pesquisador precisa ter embasamento técnico sobre as perguntas e temas desejados de abordagem, lendo inclusive outros trabalhos já realizados. Saber muito bem sobre o produto e a empresa contratada, observando se possível, as pesquisas já feitas por ela, mesmo sobre outros motivos.

Com base nessas duas primeiras etapas, a de entender o que deve ser perguntado e as bases técnicas para isso, é preciso repensar se os métodos qualitativos são realmente os necessários para se atingir o conhecimento desejado. De forma bem objetiva, são dúvidas que não podem ser respondidas com um simples sim ou não.

A dimensão da pesquisa também precisa ser avaliada. O orçamento, prazo e se haverá ou recurso financeiro adicional são muito importantes para delimitar o espaço. Como a pesquisa qualitativa não requer quantidade de pessoas, é preciso saber o espaço que se tem e como será aproveitado da melhor forma.

De todas as técnicas experimentais, a pesquisa qualitativa é a mais flexível e pode utilizar inúmera das técnicas disponíveis. Dentre elas, as mais usadas são:

Etnografia: estuda a relação humana e sua participação nas comunidades. Voltada para a antropologia, utiliza recursos dessa ciência para elucidar as questões;

Fenomenologia: estuda as experiências subjetivas do indivíduo. Procura ver o mundo através da visão da pessoa estudada e como ela reage e interpreta suas experiências;

Pesquisa de ação: focada em questões imediatas e que precisam de uma resposta rápida. Aborda temas mercadológicos e pessoais;

Teoria fundamentada: a partir de dados coletados e analisados é desenvolvida uma teoria fundamentada, que cria razões para o fenômeno em questão;

Estudo de caso: é dos mais profundos métodos de análise do indivíduo.

Dentro da metodologia escolhida, o pesquisador coleta os dados relativos as entrevistas, observações, trabalho de campo, análise de documentos entre outros. Em outros tipos de pesquisas, há vários métodos diferentes de análise de dados, porém na pesquisa qualitativa a uma concentração e ênfase na análise textual.

Essa análise textual é feita de forma verbal ou escrita, através da codificação, das estatísticas descritivas, análise narrativa, análise hermenêutica e análise de conteúdo.

Benefícios e eficiência da pesquisa qualitativa

Na pesquisa qualitativa é possível ter uma visão clara sobre o cenário e as pessoas, através das perguntas mais profundas.

Quanto mais se permite ao indivíduo pesquisado espaço para que possa expor seu pensamento, mais respostas serão conquistadas.

Quando seguida a rigor e com todos os fundamentos necessários para se obter as respostas, sua eficiência é completa.

Isso porque consegue abraçar por completo as informações desejadas, de acordo com a forma correta de abordagem, oferecendo ao cliente um vasto material para que possa definir corretamente suas estratégicas.

O que não fazer numa pesquisa qualitativa?

Não se deve utilizar os mesmos métodos e foco em pesquisa qualitativa e quantitativa. Embora elas se completem e em muitos casos é preciso uma pesquisa qualitativa para embasar a quantitativa, elas têm por definição diferenças cruciais.

Muito menos fazer perguntas cujas respostas são genéricas demais para se obter um resultado considerável. Cada pergunta carrega uma necessidade de informação e pode servir para direcionar outras perguntas que possam aprofundar a resposta do pesquisado e conquistar mais dados.

Ela não deve ser a opção de quem deseja frequência e intensidade, medir o grau de satisfação do consumidor e utilizar de estatísticas e porcentagens. Nesse caso a pesquisa quantitativa é a mais indicada e vai trazer uma apuração mais complexa sobre o objetivo.

Também não deve ser a escolha certa para quem deseja fazer uma atividade exploratória, para identificar e elucidar fenômenos científicos. Esse tipo de pesquisa é a exploratória. É mais voltada para quem deseja saber mais sobre patentes, produtos da natureza e sua reação etc.

O que é Pesquisa Qualitativa?
5 (100%) 7 vote[s]
Empresa de Pesquisa de Mercado

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here