O que é Pesquisa de Mercado Online?

Para entender o que é uma pesquisa de mercado online, 90% do caminho consiste em entender o que é uma pesquisa de mercado, a partir da apreciação da forma e da finalidade. A pesquisa de mercado online se assemelha integralmente na finalidade, apresentando particularidades quanto à forma, vantagem e atributos.

O que é Pesquisa de Mercado Online

A pesquisa de mercado é uma espécie de pesquisa descritiva, que tem por meio a coleta, cruzamento e análise de dados para geração de informações estratégicas, cuja finalidade é oferecer a gestores, empreendedores e empresas informações estratégicas capazes de qualificar as decisões, reduzindo a possibilidade de que essas sejam equivocadas.

A pesquisa de mercado faz parte do planejamento. Assim como o planejamento, a pesquisa de mercado é um processo permanente dentro de uma organização.

O primeiro momento em que uma pesquisa de mercado se faz vital é o da própria criação de um novo negócio. Quando o empreendedor pensa em estabelecer um novo negócio, é fundamental que essa iniciativa esteja vinculada a uma oportunidade real.

O empreendedor, de um modo geral, parte de uma tese, uma suspeita ou até mesmo de uma convicção, mas precisa obter respostas que confirmem, ainda que parcialmente, mesmo que de forma precária, essa suspeita. Para que uma sondagem seja realizada, é necessário, portanto, que se formule perguntas, cujas respostas irão, ou não, confirmar a tese, a suspeita ou a convicção do empreendedor, de modo que uma pesquisa de mercado pode levar até mesmo ao abandono do projeto, assim como, numa abordagem menos rigorosa, a ajustes no mesmo. Nesse caso, a pesquisa de mercado aparece como fator de segurança patrimonial e gestão de risco, servindo para impedir que dinheiro seja gasto em um projeto fadado ao fracasso.

Os dados e informações que constituem uma pesquisa de mercado são vários, resultantes do cruzamento de dados e informações já existentes e da coleta de novos dados, através de pesquisa encomendada a um instituto, empresa especializada em pesquisa de mercado ou mesmo através do departamento de marketing.

As informações que fazem parte de uma abordagem investigativa são muitas, a começar por dados geográficos, como tamanho da população, divisões desse universo pesquisado por faixa etária, sexo, poder de compra, distribuição geográfica e outros. Ela compreende também o tamanho do mercado, apurando o volume de vendas de determinada categoria de produto, tendências de crescimento do segmento, preço praticado, distribuição, tendências micro e macroeconômicas, etc.

São dados de alto valor estratégico aqueles que se referem à concorrência. Trata-se, nesse caso, de uma abordagem bastante ampla, que deve identificar quem são os concorrentes diretos, aqueles que produzem e comercializam produtos similares, e indiretos, que são aqueles produtos diferentes que atendem às mesmas necessidades. Nesse aspecto, inclui-se a aferição do marketing share de cada produto, marca ou serviço.

- Sua empresa precisa de Ajuda? Entre em contato! -
Empresa de Pesquisa de Mercado

A pesquisa de mercado deve incluir uma sondagem acerca do comportamento do consumidor. Deseja saber quais são seus hábitos de compra, suas necessidades não atendidas, sua visão de mundo, suas preferências e seus valores. Essas informações serão fundamentais, por exemplo, para orientar os esforços de desenvolvimento de produtos e serviços, assim como de estratégias de comunicação.

O cruzamento de informações relacionadas ao consumidor e à concorrência permitirão que o novo negócio estabeleça seu posicionamento, que é o espaço que ele tentará ocupar dentro do ambiente competitivo específico em que irá atuar. Assim, poderá posicionar sua marca em relação às empresas, marcas e produtos concorrentes, de preferência buscando ser visto como algo único e desejável por um determinado espectro de consumidores.

A pesquisa de mercado ajuda a respaldar decisões de alto nível, como aquisições e fusões de empresas.

Como, por exemplo, expansão dos negócios geograficamente, criação de novos produtos, de extensões de produto ou de marca, que são decisões tomadas no âmbito do planejamento, que inclui outras variáveis, como poderio financeiro, capacidades internas, custo e estimativa de ROI.

Todo o escopo acima descrito se aplica também à pesquisa de mercado online, onde se espera obter todos esses dados a partir de dados existentes e coleta de novos dados, usando os recursos digitais para obter os resultados.

Funciona a pesquisa de mercado online?

Funciona a pesquisa de mercado onlineEssa é uma pergunta que deve ser respondida considerando o que foi anteriormente exposto.

O primeiro indicador de que a pesquisa online funciona é o fato de diversos institutos disponibilizarem resultados de pesquisas online.

Os dados disponíveis na internet vão desde os levantamentos geográficos, disponibilizados pelo IBGE, a levantamentos de mercado, que incluem valiosos dados de consumo, incluindo hábitos de compra e tendências.

Para algumas dessas empresas, é uma forma de oferecer uma degustação de seus serviços, estratégia bastante interessante, que se alinha com a tática do marketing de conteúdo, bastante difundida na atualidade. Muitos desses dados podem ter sido obtidos através de meios de pesquisa tradicional, o que não invalida, mas fortalece a internet como ferramenta poderosa para a pesquisa.

Um levantamento publicado em abril de 2017 dá conta de que o Brasil possui 139 milhões de internautas, sendo que 50% dos brasileiros acessa a internet por meio de dispositivos móveis. Os internautas brasileiros ficam, em média 8h56m conectados, das quais 3h43m são dedicadas às redes sociais.

Esses dados, obtidos pela internet, são fundamentais para responder à maior das dúvidas, que diz respeito à eficácia de coletas de dados feitas a partir da internet quando não se trata de um negócio exclusivamente digital.

É uma preocupação que faz sentido, uma vez que aproximadamente 30% da população está fora do mundo digital, o que poderia desqualificar a amostragem. Lembrando que amostragem é uma pequena parte do todo que seja capaz de representar esse todo da forma mais fidedigna possível.

Um bom exemplo são as pesquisas eleitorais, onde são entrevistadas alguns milhares de pessoas (amostragem), num universo de mais de 200 milhões de brasileiros.

Empresa de pesquisa de mercado online

De qualquer modo, toda pesquisa deve se basear, antes de tudo, em dados geográficos, pois é com base neles que as amostragens ganharão consistência, logo, o importante é que seja tomado esse cuidado de qualificar a amostragem, recorrendo às técnicas profissionais. De modo que não há hipótese de a pesquisa online não funcionar pelo simples fato de ser online.

É por isso que que as pesquisas devem ser realizadas por empresas especializadas. Cabe a essas empresas ajudar o empresário na formulação das perguntas, planejar questionário e outras táticas de abordagem, de forma que conduzam a pesquisa às respostas desejadas, e preparar um relatório que apresente o cruzamento dos dados e o produto das análises realizadas.

Ao digitar “empresa de pesquisa de mercado online”, o usuário irá se surpreender com a quantidade da oferta de empresas atuando no segmento e oferecendo serviços, de modo que o mundo digital oferece, sim, todas as condições para a realização de pesquisas de mercado consistentes.

Diferença entre pesquisa de mercado online e pesquisa de mercado presencial?

Na verdade, a tendência é de que cada vez mais a pesquisa online substitua outras formas de pesquisa, já sendo mais utilizada do que as abordagens por telefone.

Como foi abordado anteriormente, a diferença entre pesquisa de mercado online e pesquisa de mercado presencial não está na finalidade, que é a mesma, mas na forma.

É sempre válido lembrar que o questionário não é a única forma de abordagem quando se trata de pesquisa de mercado, sobretudo no que diz respeito a lançamento e reposicionamento de produtos e serviços. Há outras técnicas qualitativas, mas a maioria delas podem ser reproduzidas no ambiente digital, sobretudo a partir das redes sociais.

A diferença básica entre a pesquisa presencial e a pesquisa online é, sem dúvida alguma, o dinamismo e a velocidade na coleta dos dados. Para simplificar essa diferença, basta imaginar a mesma pesquisa sendo feita online e no campo. Numa pesquisa de campo é necessário treinar os pesquisadores e mandá-los a campo para entrevistar uma a uma as pessoas. Na pesquisa online, é possível entrevistar até centenas de pessoas simultaneamente, todas respondendo ao questionário através de uma mesma plataforma online.

Somente a pesquisa de mercado online basta?

Isso não quer dizer que a pesquisa de mercado online irá substituir completa e definitivamente outras formas de pesquisa, pelo menos não dentro de um prazo previsível.

Sem dúvida alguma, para muitos negócios a abordagem online é suficiente para que se chegue às informações necessárias. Há outros negócios, no entanto, que precisam realizar pesquisas de PDV (ponto de venda ) e validação de produtos físicos. Logo, a resposta à pergunta é que tudo depende do modelo de negócio da empresa em questão.

Benefícios da pesquisa de mercado online

Não há dúvida, ao cabo de tudo, que as ferramentas digitais são fruto da evolução tecnológica, a mesma que, em outros tempos, trouxe o telefone. Um dos grandes benefícios trazidos pelo telefone foi, sem dúvida, a capacidade de reduzir distâncias entre as pessoas, assim como entre as empresas e os consumidores.

No âmbito da pesquisa de mercado, as ferramentas digitais não só reduzem ainda mais essas distâncias como oferecem uma enorme gama de recursos e oportunidades para melhorar a interação e qualificar a abordagem dos entrevistados.

Elencaremos, abaixo, alguns benefícios trazidos pela pesquisa de mercado online:

  • Resultados em tempo real

Há uma série de softwares que permitem a aplicação de questionários com obtenção de respostas em tempo real. É possível para o analista acompanhar em tempo real quantos questionários foram respondidos e a evolução dos relatórios, que também são produzidos simultaneamente ao fluxo de respostas, o que permite, inclusive, testar a qualidade da pesquisa, que se fará notar a partir da constatação de que os resultados pouco variam durante o decorrer da aplicação da mesma.

  • Rapidez

Esse ativo está presente em todas as fases da pesquisa, do envio aos relatórios finais. É possível enviar, por e-mail, simultaneamente, o questionário para centenas e até milhares de pessoas, que poderão responder concomitantemente.

Em outras palavras, um processo que podia levar semanas, se houver uma política inteligente de incentivo às respostas, como premiação ou possibilidade de participar de alguma promoção com brindes, ou mesmo uma boa conscientização da importância da pesquisa para o próprio consumidor, pode ser concluído em poucos dias ou mesmo em horas.

Além da abordagem ser feita de forma ágil, o sistema já pode estar configurado para oferecer todas as respostas, inclusive as mais complexas, automaticamente, gerando relatórios concomitantes à aplicação e os resultados definitivos tão logo essa se conclua. É um ganho de tempo extraordinário se comparado com o método tradicional, que requer a digitação dos dados no sistema para a geração dos relatórios.

  • Dinamismo e interação

Numa pesquisa feita online é possível aplicar num mesmo questionário dezenas de formas diferentes de perguntas, podendo haver diversas formas de questões de múltipla escolha, questões a serem respondidas por modelos de avaliação gráfica, como slider de texto, classificação por estrelas, thumbs up / down, etc, conferindo dinamismo à pesquisa e mantendo o interesse do entrevistado.

Além disso, é possível recorrer ao uso de imagens, mapas e outros elementos interativos.

  • Comodidade e anonimato

Nas pesquisas convencionais, o entrevistado é abordado no meio da rua, em sua casa ou seu local de trabalho, o que significa, provavelmente, ter que interromper algo para responder à pesquisa. Além disso, a exposição ao entrevistador pode provocar inibição, o que não acontece quando está online, situação em que pode se manter anônimo, ficando mais à vontade para responder segundo suas reais convicções.

Sem contar que o entrevistado pode responder à pesquisa online a qualquer hora, seja no conforto do lar, seja ao longo de uma viagem de trem, ônibus ou metrô, quando não teria outra coisa para fazer.

  • Amostragem mais robusta a menor custo e com maior alcance.

Tudo depende da forma como os entrevistados serão atraídos e a tática em que está inserido o questionário, que pode, por exemplo, estar disponível no site da empresa. De qualquer modo, é reconhecido que, não havendo diferença na qualidade da escolha da amostragem, tanto ela é mais consistente na medida em que mais pessoas são entrevistadas.

Na pesquisa online, entrevistar mais pessoas não altera em nada os custos, ao contrário de pesquisas presenciais, que envolvem custos com entrevistadores, transporte, alimentação, etc.

Inclusive, a redução drástica de custos com a adoção da pesquisa online permite a utilização de programas de incentivo à resposta mais agressivos, além do que a internet permite chegar a consumidores dos mais diversos lugares do mundo, sendo capaz de multiplicar o alcance das pesquisas.

  • Maior qualidade dos dados

Presume-se que se alguém responde a uma pesquisa online esse é um ato espontâneo. Se não quiser responder, basta ignorar a pesquisa, sem o constrangimento de ser indelicado com o entrevistador. Só isso já é suficiente para se presumir uma maior qualidade das informações obtidas, o que também pode ser aferido a partir da percepção de que o entrevistado terá sempre mais tempo e tranquilidade para responder.

Empresa de Pesquisa de Mercado

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here